ESTÁ PENSANDO EM LIMPAR SUAS MOEDAS? – Veja aqui como estragar todas elas.

960 Réis - Pátina Original


Na numismática, limpar moedas é um grave erro! Estragar moedas é uma habilidade de qualquer colecionador iniciante. Eles fazem a limpeza "profunda" das peças por terem pouco conhecimento. Não pensam na integridade das peças, mas querem que elas reluzam e tenham o polimento dos tempos de sua cunhagem original. Quando estes colecionadores começam a perceber o erro, muitas vezes já estragaram belas peças do colecionismo mundial. Ao aprenderem o modo correto de manuseio eles iniciam um novo degrau na escalada do conhecimento numismático, passando de meros destruidores para protetores desta cultura e arte em moedas.

Nunca toque em suas moedas com as mãos desprotegidas.
Tocar em suas moedas com os dedos desprotegidos é o suficiente para causar danos nas moedas, especialmente em moedas com elevados graus de conservação. Dependendo do tipo de contato e sua intensidade, você definitivamente irá danificá-las. Os dedos contêm óleos e minúsculas partículas de poeira que vão aderir à moeda causando-lhes descoloração ou riscos microscópicos tirando-lhes muitas vezes o padrão de conservação, rebaixando sua classificação. Quando manusear as moedas, utilize luvas de algodão e segure as moedas apenas pelo bordo e sobre uma plataforma levemente acolchoada para que não exista o risco de queda e maiores danos em sua moeda.

Não limpar as moedas é uma regra!
Mas toda regra tem sua exceção. As moedas desenterradas oriundas de escavações arqueológica ou detectorismo merecem uma limpeza superficial, não um polimento! Quanto as outras moedas que normalmente ganhamos, compramos ou trocamos por aí, não devem ser limpas ou polidas. Se você polir suas moedas vai lhes causar danos que deixará sua moeda ainda sem qualquer valor numismático relevante. Não fará bem! O contato com o ar faz com que naturalmente o metal entre em processo de oxidação, ou forme uma pátina. (Leia mais sobre pátina) A pátina é muito importante para o processo de conservação de uma moeda. Se você retirar a pátina de uma moeda, ela poderá ficar áspera, perder algumas informações que só estão preservada pelo acumulo de pátina, além de descobrir coisas na moeda que a deixará horrível e totalmente sem graça e relevância. Lembre-se! As moedas com pátina têm uma valorização maior do que as moedas limpas e são as preferidas pela maioria dos colecionadores.

Mantenha a boca fechada...
Parece brincadeira, mas não é! Falar em cima das moedas pode causar graves danos, em alguns casos muito maiores do que tocá-las ou limpá-las, se fizer isso com as moedas expostas, enquanto conversa. As gotículas de sua saliva ao falar, podem escapar da sua boca causando manchas e descolorações que são quase impossíveis de serem removidas. Muitas moedas não circuladas e em estados de conservação “Flor de cunho” (Leia mais sobre estado de conservação) são destruídas desta maneira. Mantenha sua boca fechada ao manusear suas moedas! Uma boa dica é o uso de mascaras descartáveis.

Se ela veio em uma embalagem lacrada, não viole!
Ao violar as embalagens e manusear de forma inadequada ou o simples contato com o ar, podem fazer suas peças Proof desvalorizarem consideravelmente. Vou ser um pouco mais chato... Sei que as vezes queremos pegar na moeda e sentir seus relevos e peso, mas as remover da sua embalagem original é uma péssima ideia. As moedas, juntamente com a caixa e o cartão informativo que acompanha a peça (se houver) são parte do conjunto e devem ser mantidos preservados. Nunca retire as moedas das suas embalagens originais.
1000 Réis - Moeda passou por polimento
Não guarde em envelopes...
Armazenar as moedas em envelopes, embrulhadas em papel com anotações ou em caixas de papelão é uma boa maneira de danificar cada uma delas.  Utilize papel isento de ácidos e especiais, vendidos em casas numismáticas. Ao longo do tempo, o papel comum libera substâncias químicas ácidas em torno da moeda, provocando manchas, descoloração e podendo acelerar o processo de oxidação (enfraquecimento) na superfície brilhante da cunhagem original. Certifique-se que o material utilizado seja papel ou cartão isentos de ácidos para o armazenamento da sua coleção. Compre em locais seguros!

Nem pense em plástico comum.
Quer manchar suas moedas? É só armazenar em bolsas ou caixas de plástico que contenham PVC. O ácido no papel pode prejudicar as suas moedas em um curto prazo, mas o subproduto químico de determinados plásticos pode danificar as moedas ao longo do tempo. Armazenar as moedas em recipientes de plástico para alimentos ou em bolsas de plástico maleáveis que se utilizavam antigamente para guardar as moedas, acabarão por desenvolver um revestimento viscoso e verde em sua superfície. O fim então será trágico! Voce terá um dano permanente em suas moedas.

Aquele polimento...
Ficariam lindas né? Errado... Os produtos como Kaol, Brasso e Silvo, vão destruir suas moedas, arranhando, removendo pátina, manchando suas moedas e causando o caos em sua coleção. Os produtos químicos para polimento são abrasivos, a fricção ao limpar é o causador do aparente brilho! As substâncias granuladas na formula ajudam no polimento e também no desgaste de suas moedas.

Preserve sua coleção!
Não limpe suas moedas, se vocês não conhecerem os procedimentos corretos! Existem formas para que você possa higienizar com segurança sua coleção. Você terá que ler bastante e compreender os limites.

Deixe seu comentário e seu +1! Obrigado pela visita...

ESTÁ PENSANDO EM LIMPAR SUAS MOEDAS? – Veja aqui como estragar todas elas. ESTÁ PENSANDO EM LIMPAR SUAS MOEDAS? – Veja aqui como estragar todas elas. Reviewed by BRUNO DINIZ on abril 30, 2018 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.