AS HISTÓRIAS QUE OS SELOS NOS CONTAM - História de hoje: O Galeão São Martinho


O selo que ilustra esta postagem é alusivo ao Galeão San Martin. A história conta que  quando Filipe II da Espanha se tornou, em 1580, Rei de Portugal, os Portugueses tinham acabado de construir um enorme galeão chamado São Martin. O navio foi imediatamente colocado ao serviço da Espanha, sendo conhecido, em Castelhano como San Martín.

Quando a Armada Invencível foi reunida, verificou-se que o São Martinho era o melhor navio da esquadra, sendo escolhido para nau capitânia do duque de Medina Sidónia. O São Martinho tinha um comprimento total de 54 metros e estava armado com 44 canhões de artilharia pesada, instaladas em duas baterias cobertas, além de uma multiplicidade de armas mais ligeiras. Numa pintura de Hendrik Cornelisz Vroom de 1601, o São Martinho aparece representado com três mastros - dois de velas redondas e, o da mezena, com velas latinas. É mostrado com uma galeria na popa e o bico de proa caraterístico dos galeões. O gurupés projeta-se para a frente do castelo de proa. O São Martinho sofreu pesados danos na Batalha de Gravelines, em julho de 1588, ao ser atacado por um grupo de navios ingleses, liderados por Francis Drake. No entanto, com o apoio de outro galeão, conseguiu escapar. O navio conseguiu liderar a Armada de volta à Península Ibérica, atravessando uma forte tempestade, que obrigou que ele fosse rebocado para o porto em complemento de sua viagem.

Veja Também:
Como e onde vender suas moedas.
Venda suas cédulas e moedas no facebook


__________________________________

A postagem "HISTÓRIAS QUE OS SELOS CONTAM" vai ao ar em nosso blog todas as terças-feiras, mas em nossa coleção no Google+ ela estará disponível aos domingos.


AS HISTÓRIAS QUE OS SELOS NOS CONTAM - História de hoje: O Galeão São Martinho AS HISTÓRIAS QUE OS SELOS NOS CONTAM - História de hoje: O Galeão São Martinho Reviewed by BRUNO DINIZ on outubro 17, 2017 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.