gtag('config', 'UA-56722592-1');
  >> PRESENTE EM MAIS DE 40 PAÍSES - BEM VINDO AO NOSSO BLOG!!! >>

A SAGA DA MOEDA PERUANA

Eu particularmente gosto muito das peças peruanas, é sempre salutar ao colecionador possuir algumas peças de determinados países, mas com isso vem a dificuldade na catalogação das peças! Mas todos sabem que em nosso blog contamos também um pouco da historia por trás das peças. Esse artigo depois de alguma pesquisa foi escrito para facilitar a sua vida, aproveite!!!
No início, todas as repúblicas latino-americanas tiveram o peso espanhol como moeda nacional, tendo sido adotado pelo Peru em 1825, mas com o emblema nacional. O dólar boliviano era uma moeda que era, teoricamente, como o peso do Peru, mas na prática era fraco, tinha conteúdo de prata menor e para evitar a entrada do dólar boliviano no Peru, decidiu-se em 1863 para criar uma moeda nacional que não seja o peso ou o dólar Bolívia. 
A unidade monetária foi chamado de Sol, Ela possuía 37 mm de diâmetro e 25 gramas de peso e adotou o sistema métrico. A lei também estabeleceu os meios sol, o quinto sol, o décimo sol ou dinheiro, dinheiro é o valor médio de 5 centavos.
Havia também moedas de ouro, popularmente chamadas de Golden Sun, com o valor de 5, 10 e 20 soles. 
A taxa de câmbio fixa foi de 80 centavos para cada dólar boliviano, cinco francos para cada cinco soles por quilo e 1,08 soles por dólar dos EUA. 
Depois da guerra com o Chile, o sol foi substituído temporariamente pelo ouro Inca. Em 1897, foi adotado como moeda peruana a libra de ouro, o equivalente a 10 sóis. A partir de fevereiro de 1930, o sol recirculado substituiu a libra com uma equivalência de 10 soles por quilo. Pelo Decreto Lei n º 7.126 de abril de 1931, o sol foi rebatizado de "sol dourado". A taxa de câmbio oficial era S /. 2,50 por dólar dos EUA, uma taxa que durou até 1946, quando foi desvalorizado várias vezes. Desde 1976, o Peru adotou o sistema de taxas de câmbio flutuante. No entanto, o aumento da inflação fez com que o sol perdesse gradualmente seu poder de compra. Em 1985 foi substituído pelo Inti com uma equivalência de mil sóis para cada Inti.

Banco da Providência
Em 1862 o belga Francisco Watteau, fundou o banco da providência. O inicio do banco se deu a partir de uma loja de penhores e um banco de poupança peruano que se uniram para a fundação da instituição financeira providencial peruana. O Banco da Providência começou a operar no ano seguinte a sua fundação logo em 1863 e colocou em circulação no país as notas de pesos. O Banco da Providencia fazia parte de uma especie de grupo de bancos do estado peruano. Em 1864, as notas de 25 pesos foram alteradas para 20 sóis, 50 pesos a 40 sóis e 100 pesos a 80 soles. O banco encerrou suas atividades em 1866 mas foi reaberto em 1867. Em seguida, emitiu as seguintes:

Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
1/2 sol 1867 ABNC
1 sol 1867 ABNC
2 soles 1867 ABNC
4 soles 1869 ABNC
5 soles 1877 ABNC
10 soles 1867 ABNC
20 soles 1877 ABNC
50 soles 1877 ABNC
100 soles 1877 ABNC


Banco del Peru 
Foi fundado em 1863. Ele foi um dos bancos do estado peruano . Suas notas emitidas foram:

Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
1 sol 1867 ABNC y CNBB
2 soles 1869 CNBB y CCBB
4 soles 1874 CNBB y CCBB
10 soles 1874 CNBB
20 soles 1877 CNBB y CCBB
100 soles 1877 CNBB
100 soles 1878 ABNC

Banco de Londres, México e América do Sul. 
Foi fundado em agosto 1863 em Lima, como um ramo do banco britânico de London, México e América do Sul Bank Limited, como banco líder para a América do Sul, iniciando suas operações em setembro de 1864 e espalhando sua rede de filiais na Colômbia e México. O capital matriz era de um milhão de libras, sendo atribuído ao escritório Lima a quantia de um milhão de pesos, que chegaram a cerca de 4 milhões de sóis. Em 1864 estabeleceu-se em Callao e anos mais tarde, em Iquique.
Em 1866 encarregou a American Bank Note Company de fabricar suas notas com o rosto da rainha Victoria. Estes foram de 5, 25, 100 e 1000 de pesos. E as notas emitidas solas foram:

Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
1 sol 1873 ABNC
2 soles 1869 - 1873 ABNC
5 soles 1869 - 1873 ABNC
10 soles 1869 - 1873 ABNC
25 soles 1871 - 1873 ABNC
100 soles 1871 - 1875 ABNC
400 soles 1867 - 1873 ABNC
1000 soles 1863 - 1873 ABNC
Banco de Lima
Foi fundada em 1869 e encerrou suas operações em meados de 1878. As notas emitidas pelo Banco de Lima foram:



Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
1 sol 1875 CNBB
4 soles 1870 CNBB
8 soles 1870 CNBB
20 soles 1875 CNBB
80 soles 1871 CNBB
400 soles 1875 CNBB

Banco de Trujillo
Foi o segundo banco fundado fora de Lima (o primeiro foi o Banco Agrícola de Ica). Trujillo foi organizado 1871 e iniciou suas operações em 15 de agosto do mesmo ano como um banco de emissão e desconto.  Foi o primeiro a emitir notas em um dom de valor. Foi tão bem sucedido em seus negócios, que no primeiro aumento dos dividendos pagos, viu o aumento de capital do banco em curto prazo, em até 2 milhões de sóis. Entre os bancos foi a de maior capital e o de maior movimento. Pelo banco de Trujillo 5 notas foram emitidas:

Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
1 dinero (10 centavos) 1876 ABNC
1 quinto (20 centavos) 1876 ABNC
1/2 sol (50 centavos) 1871 ABNC
1 sol 1872 ABNC
5 soles 1872 ABNC
10 soles 1872 ABNC

Banco Nacional do Peru 
Fundada em 1872, era o maior banco de capital na época. Ele foi um dos Bancos do Estado Peruano e suas notas emitidas foram:


Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
1 dinero (10 centavos) 1873 ABNC
1 quinto (20 centavos) 1873 ABNC
2 quintos (40 centavos) 1873 ABNC
1 sol 1872 y 1877 ABNC
2 soles 1875 y 1877 ABNC
5 soles 1877 ABNC


Banco de Tacna
Fundado em 1872. Iniciou suas operações no mesmo ano, com um capital de 500 000 soles, divididos em partes de 10.000 soles cada um e mais tarde foi elevado a um milhão. Suas notas circularam na Bolívia e suas emissões foram:


Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
1/2 sol 1872 CNBB
1 sol 1872 CNBB
2 soles 1872 CNBB
5 soles 1872 CNBB
10 soles 1872 CNBB
50 soles 1872 CNBB
O banco fechou em 1880 por conta da Guerra do Pacífico, mas reabriu em 1884 sob a legislação chilena e suas notas circularam novamente, mas desta vez seladas como bolivianas. O banco foi liquidado 1921 sob as leis do Chile, sendo assumido pela Superintendência de Bancos do Peru em 1931.



Banco de Piura
Organizado no início de 1872 com um capital de 500 000 sóis. Suas emissões foram:

Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
1 sol 1873 G&B
5 sol 1874 G&B
10 soles 1875 G&B
20 soles 1875 G&B

Banco de Arequipa 
Foi criado em 1872 com um capital de 500 000 soles nativas, subindo para começar 1873 em um milhão de sóis. Entre os bancos, era o único com uma unidade especial para receber depósitos de poupança, que transcende o âmbito de aplicação às cidades de Cusco e Puno.

CURIOSIDADE

Todos os bilhetes têm a mesma imagem, uma mulher sentada e Misti em segundo plano, mas variavam de tamanho e cor.


Suas emissões foram:

Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
1 quinto (20 centavos) 1872 ABEL
2 quintos (40 centavos) 1874 CNBB
1 sol 1873 CNBB
2 soles 1873 CNBB
5 soles 1872 CNBB
10 soles 1872 CNBB
20 soles 1872 CNBB
50 soles 1872 CNBB
100 soles 1872 CNBB
500 soles 1872 CNBB


Banco Emissor do Cerro (Junín)
Devido à falta de moedas e notas uma vez que só circulavam apenas as notas do Banco do Peru, os mineiros de Cerro de Pasco, fundaram um pequeno banco com um capital de 100 mil sóis. Mas eles não tinham permissão para fazer emissões porque o prefeito de Junin teria proibido o fluxo de notas do banco e, em seguida, ordenou o seu fechamento. Por essa medida o prefeito foi questionado pelos fundadores do pequeno banco junto ao governo peruano que logo ordenou a livre circulação das notas. Mas o banco acabou fechando em 1878. Suas notas emitidas foram:

Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
Un dinero 1872
1/2 sol 1872


Banco do Vale de Chicama 
Fundado no final de 1873 em Ascope no Vale de Chicama. Ele foi o último dos bancos provinciais do Peru. O desenvolvimento comercial da cidade, plenamente justificava a criação de um banco de emissão e desconto. Suas emissões, foram:

Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
1/5 sol 1873 ABCN
1/2 sol 1873 ABCN
1 sol 1873 ABCN
5 soles 1873 ABCN
50 soles 1873 ABCN


Banco Fiador
Foi fundado em 1872. Mas somente em 1873 abriu as suas portas, apesar de seus grandes negócios negócios eram de tamanho pequeno em comparação a outros bancos e foi o único banco a emitir notas em parcelas. Durante a Guerra do Pacífico, concedeu um empréstimo para o governo de um milhão de sóis para financiar as ações do governo peruano mas o empréstimo foi cancelado pela lei de 1 de novembro de 1879. 5 notas foram emitidas:

Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
10 centavos 1876 CNBB
20 centavos 1876 CNBB
40 centavos 1876 CNBB
1 sol 1876 CNBB
2 soles 1876 CNBB
5 soles 1876 CNBB
10 soles 1876 CNBB
20 soles 1876 CNBB
50 soles 1876 CNBB

Banco Anglo-peruano
Inaugurado no final de 1873 em Lima, como uma ramificação de "O Banco Anglo-peruano Limited", fundado em Londres, em meados de 1873 e também tinha uma filial em Paris. Alguns anos depois o Banco Mercantil do Peru, que foi fundada em Londres com sua subsidiária em Iquique absorveu o Banco Anglo-peruano em  1877. As notas emitidas foram:

Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
20 centavos 1874 DNDF
1 sol 1874 DNDF
5 soles 1874 DNDF
10 soles 1874 DNDF
20 soles 1874 DNDF
100 soles 1874 DNDF

Linhas Aéreas Meiggs
Os bilhetes da Sociedade de Obras Públicas eram assinados por Henry Meiggs, por isso foram chamados Airline Meiggs. Foi a única empresa privada a emitir suas próprias notas no Peru.
Em 1874, Henry Meiggs fundou a Sociedade de Obras Públicas e Promoção do Peru em 1877 que põem em circulação notas com a quantidade de S /. 1030000. A empresa afirmou que os bilhetes seriam aceitos no pagamento de ferrovias, ou transporte de passageiros em todas as empresas de Meiggs. Estas notas foram emitidas sem qualquer ação que seja contra o governo. O público recebia as notas em Lima e nas províncias, mas elas eram rejeitadas pelo alto comércio peruano. Suas notas emitidas foram: 



Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
10 centavos 1877 CNBB
20 centavos 1877 CNBB
40 centavos 1877 CNBB
1 sol 1877 CNBB
5 soles 1877 CNBB
10 soles 1877 CNBB
20 soles 1877 CNBB
50 soles 1877 CNBB
100 soles 1877 CNBB

Bilhetes tributários
A lei de 27 de janeiro de 1879 estabeleceu a troca de notas de responsabilidade do Estado (dos Estados Bancos e Meiggs) por bilhetes tributários, essa medida foi tomada para restringir a circulação de notas de outros bancos e com tudo isso veio a criação da "Administração do Conselho Fiscal e da Emissão Fiscal ", determinou também a criação de novos impostos, cujos recursos seriam utilizados para o resgate das notas para a sua extinção. A troca das notas começou a ser realizada em 26 de julho de 1879 e a queima das antigas notas trocadas começou em 16 de agosto do mesmo ano.  Os seguintes bilhetes foram emitidos:



Valor Facial Ano de Circulação Impresso Por:
1 sol 1879 ABNC
2 soles 1879 ABNC
5 soles 1879 ABNC
10 soles 1879 ABNC
20 soles 1879 ABNC
50 soles 1879 ABNC
100 soles 1879 ABNC
500 soles 1879 ABNC
Procuramos com esse artigo ao menos municiar os numismatas e colecionadores com algo que sirva como norte na catalogação das peças peruanas.