Visitando o Museu de Valores em Brasilia - 1ª PARTE Sala Ouro


Lavagem do Ouro no Itacolomi
Rugendas, litografia colorida, séc. XIX:

A sala ouro conta com oito vitrines exibindo as diversas formas do ouro: em pepitas; os instrumentos de fundição; o ouro em moedas e o ouro de investimento; o ouro usado em medalhas, sinetes e condecorações; as barras good delivery, negociadas em bolsas internacionais de ouro; o processo eletrolítico de refino; e, entre várias barras e pepitas, encontra-se a maior do Brasil - Pepita Canaã. Essa pepita pesa cerca de 60 kg e foi encontrada em Serra Pelada (PA), em 1983. É considerada, por sua formação geológica, uma das mais raras do mundo. Venha fazer essa visita pessoalmente você vai adorar conhecer um dos melhores museus de valores do Brasil!


Entrada da  Sala Ouro
   
Vista externa da Sala Ouro
Retângulo ao fundo máquina de cunhagem de moedas
  
Pepitas de Ouro
  
Pepita Canãa - Maior pepita de ouro do mundo em exposição
Peso bruto: 60,82 Kg   Peso líquido: 52,33 Kg
Garimpo: Serra Pelada - Pará (PA)
 
Painel fotográfico com detalhes de garimpos do Brasil
 primeiro plano garimpo de  Serra Pelada (PA)
 
Detalhes internos do ambiente e peças expostas
 
Lingotes e Peças de Ouro 
 (medalhas comemorativas)
 
Pepitas de ouro "in natura"

Lingotes de Ouro em exposição

Barras de Ouro refinado

Barras de Ouro não refinado
  
 
Painel Fotográfico do Garimpo de Serra Pelada - 1980
Marabá - PA
  
Espátula, Mexedor, Lingoteira, Cadinho, Barra Ouro Apaladiado
Medalhas e Moedas Brasileiras de Ouro

 
Visitando o Museu de Valores em Brasilia - 1ª PARTE Sala Ouro Visitando o Museu de Valores em Brasilia - 1ª PARTE Sala Ouro Reviewed by BRUNO DINIZ on abril 12, 2013 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.