"O boom do Dinar de Saddam"


O dinar iraquiano, não tem mais valor no mundo real e está se tornando uma valiosa mercadoria entre os colecionadores. Os comerciantes de notas bancárias têm visto um grande aumento na demanda por papel moeda com a efígie de Saddam Hussein.

Antonio Carlos Souza, que vende as notas no Mercado Livre, chama o fenômeno de "Boom do Dinar de Saddam". Ele conta que, nos últimos anos, tem recebido muitos e-mails relacionados à moeda todos os dias . "Eu  tenho vendido muitas dessas notinhas com o retrato do ditador", disse Antonio numa mensagem de e-mail.

Embora o preço dos dinares varie muito de um leilão para o outro, uma constante é o ato de que os compradores estão dispostos a pagar quantias consideravelmente maiores do que o valor real da moeda. Antonio lembra de uma situação em que recebeu mais de R$50 por uma nota de cem dinares contendo um retrato de Saddam. 

Em vários outros leilões feitos recentemente, as pessoas ofereceram mais de R$20 por notas iraquianas.

Enquanto as notas menores são vendidas como souvenir, notas iraquianas mais antigas alcançam preços muito mais elevados, afirma Augusto Moreira, colecionador e dono de site especializado em comercio numismático  Uma nota de 1931 com uma efígie representando o rei Faisal II quando criança, por exemplo, chega a valer R$ 1.200.

Moreira afirma que é comum o interesse dos colecionadores pela moeda de países que enfrentam tempos difíceis. No período imediatamente após o colapso da União Soviética, ele, viu muitos colecionadores lucrarem com a venda de notas da era comunista. No Iraque, a queda de Saddam resultou na emissão de novas notas que não contem a imagem do ditador. O valor das velhas notas entres colecionadores vai depender de quantos exemplares serão guardados e quantos serão destruídos.

Para os colecionadores sérios, Moreira recomenda que seja dada preferência a notas de dinar maiores, mais raras e impressas na Suíça, cuja qualidade, afirma, é maior.

Muitos usuários do Mercado Livre, no entanto, vendem seus dinares mais por curiosidade do que como relíquias. Um deles anuncia um exemplar como "ótimo para iniciar conversas", por apenas R$7,00 sem saber o que realmente tem em mãos.

Antonio, por sua vez, espera vender seu pequeno estoque agora que o interesse pelas notas com o retrato de Saddam vem aumentando. Poucas sobraram para contar historia.

CURIOSIDADE:

A imagem de Saddam passou a ser usada nas cédulas iraquianas após a Guerra do Golfo, em 1991.
"O boom do Dinar de Saddam" "O boom do Dinar de Saddam" Reviewed by BRUNO DINIZ on março 20, 2013 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.